Ir para o conteúdo. | Ir para a navegação

Sections
Entrada > Comunicação > Notícias > Feira da Maçã abençoada

Feira da Maçã abençoada

A Câmara Municipal de Armamar faz um balanço muito positivo da Feira da Maçã 2015, um evento em que o município se põe anualmente à prova para mostrar todo o seu potencial de desenvolvimento, e que nem a chuva de sábado à tarde fez esmorecer.

A oitava edição do certame abriu com o surgimento de uma nova estrutura associativa, Armamar Sempre Jovem, que desfilou a sua fanfarra em frente à Câmara Municipal para aí receber as insígnias das mãos de João Paulo Fonseca, Presidente da Autarquia. Na abertura do certame o edil local esteve acompanhado por Manuel Cardoso, Diretor Regional de Agricultura e Pescas do Norte, restantes membros do executivo e mais entidades convidadas.

Um momento especial, logo após a cerimónia de abertura, foi protagonizado pelas crianças dos jardins infantis do município cantando as cantigas que caracterizavam as antigas rogas de trabalhadores da vindima ou da apanha da maçã.

A Feira da Maçã reuniu no centro da Vila de Armamar os agentes económicos, sociais e culturais do município. Numa terra maioritariamente agrícola, viram-se produtores de maçã, fruto ícone do evento, vinhos do Douro, Porto e Távora Varosa, cogumelos, um setor em franca expansão e com procura no mercado, entre outros. A indústria transformadora ligada ao fumeiro e aos enchidos também esteve bem representada e a mostrar qualidade e inovação.

As associações culturais desempenharam, como já vem sendo hábito, um papel fundamental na promoção das tradições Armamarenses. O linho, o Pão, a Apanha da Maçã e outros foram mostradas aos visitantes em recreações etnográficas. As fanfarras e grupos de bombos também estiveram presentes e animaram o recinto da feira em permanência.

No cartaz pontuaram os nomes do famoso artista Clemente e da Fadista Cláudia Madeira. Mas o programa privilegiou os talentos de Armamar, dando palco às apostas que se têm feito e começam a dar frutos. São os casos da Banda de Música de Armamar e do Grupo de Teatro Filhos do Vento, da Tuna da Fundação Gaspar e Manuel Cardoso e da Escola de Música do Vacalar, da fadista Lúcia Lopes e seus músicos João Pedro Monteiro e Ricardo Silva, das bandas Os Aldeões e dos Tales and Melodies.

O último dia foi marcado pela transmissão do programa da SIC Portugal em Festa em direto a partir da Feira da Maçã. Foi uma ação promocional à escala global que permitiu mostrar Armamar a quem não conhece e levar aos emigrantes Armamarenses espalhados pelo mundo um momento alto da sua terra.

::FIM::

gabinete comunicação imagem

27/10/2015

icone-download